Câmara

A realização de sessões plenárias de forma presencial ou à distância em plataforma on-line será discutida pelos vereadores em reunião que acontecerá na próxima quarta-feira (15), às 10h, na Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes. Em virtude das medidas de prevenção ao novo coronavírus, o encontro será restrito aos parlamentares, evitando maior aglomeração de pessoas. O presidente Fred Machado (Cidadania) divulgou a informação por meio de comunicado nas redes sociais, nesta quarta-feira (08).

As sessões estão suspensas desde o dia 20 de março, conforme Ato Executivo publicado em Diário Oficial. No dia 26 de março, o presidente informou que estava em estudo técnico a realização de sessão de forma on-line, por meio de videoconferência. “Tentamos diversos aplicativos para a sessão remota, mas devido a fatores como por falta de ferramentas adequadas e segurança, o programa que já estava praticamente certo não será viável”, disse.

Ainda de acordo com Fred Machado, o setor de Informática do Legislativo trabalha na adequação de uma nova plataforma. “Acredito que o mais seguro é aguardamos para podermos realizar a sessão de forma on-line. Mas todas as decisões serão em conjunto e de forma democrática. Os vereadores serão convocadas oficialmente para a reunião na quarta. Vamos ter um encontro com toda a segurança, sem nenhum assessor, só os vereadores dentro do plenário que será higienizado e com os equipamentos de proteção que forem necessários”, explicou.

Sobre a possibilidade da realização de sessão plenária presencial, Fred Machado ponderou que preza pela segurança dos parlamentares e servidores. “Com 25 vereadores, o mínimo de equipe de apoio e um assessor de cada gabinete, teríamos mais de 60 pessoas em plenário. Estaríamos contra as recomendações do Ministério da Saúde e das autoridades internacionais. Que exemplo estaríamos dando ao comércio, que está fechado?”, questionou.

O presidente da Câmara ressaltou que, após definida se on-line ou presencial, será realizada sessão para discutir propostas de projetos pertinentes sobre temas relativos à pandemia de Covid-19 e a doenças como dengue e chikungunya, que também preocupam o país neste momento, além de assuntos que sejam de interesse da população. A data da mesma ainda será definida e divulgada.

*Por Ascom Câmara Campos