Geral

O presidente da Câmara de Vereadores de Campos, Marcão Gomes (Rede), recebeu na manhã desta quinta-feira (20) representantes da Associação dos Moradores do Alphaville (AMA). O presidente da instituição, Moises Rodrigues Vidal, e o colaborador Marcelo Almeida, fizeram solicitações de melhorias para o bairro. De acordo com Marcão, os pedidos serão direcionados às comissões pertinentes na Câmara e no dia 11 de maio, às 8h, uma outra reunião será realizada para tratar dos pedidos apresentados.

Sobre a Vila Olímpica do bairro o presidente informou que fez contato com o presidente da Fundação Municipal de Esportes de Campos (FME), Raphael Thuin. “Ele informou que até o final do mês de maio será entregue à população. A respeito dos horários dos ônibus no bairro, vou fazer uma cobrança na tribuna e encaminhar à comissão de Transportes e Trânsito para que ela cobre da empresa responsável. Algumas demandas serão levantadas em plenário e repassadas para as nossas comissões e outras faremos contato com os órgãos responsáveis”.

Marcelo lembrou uma área pública que, no momento, está ocupada por uma empresa particular. “A área ao lado da Vila Olímpica está sendo utilizada indevidamente por um comércio”. Marcão respondeu. “Segundo o Raphael Thuin a área não ficará subutilizada. Nós vereadores podemos viabilizar uma parceria com a FME para que na área seja feita uma quadra de vôlei. Essa foi uma proposta do vereador Jorginho Virgílio (PRP), que mora próximo ao local e foi procurado por alguns moradores”.

Além deste espaço, segundo Marcelo há outro local público no Alphaville que pode abrigar uma praça. “Temos uma proposta de ocupação, onde a prefeitura nivelaria o local, faria caminhos com paralelepípedos e passaria a conservação para os próprios moradores. Assim o próprio bairro, através da associação, iria gerir o espaço”. O presidente da Câmara afirmou que irá procurar a Superintendência de Limpeza Pública e verificar quais são as possibilidades.

Outro projeto da AMA, o “Manhã da Vizinhança”, ganhou apoio de Marcão. “Ao invés de fecharmos uma rua aos domingos para o projeto, podemos leva-lo para dentro da Vila Olímpica do Alphaville. Assim todo domingo os moradores poderão se encontrar e realizar atividades de lazer contando com a estrutura do local. Essa é uma ideia que pode se estender a outras Vilas Olímpicas”, disse.

*Por Vivianne Chagas - Ascom Câmara Campos