Geral

Nesta segunda-feira (07) o presidente da Câmara, Marcão Gomes (Rede), e o líder do governo no legislativo, Fred Machado (PPS), receberam representantes dos servidores municipais da saúde para uma reunião. O intuito do encontro foi debater a questão da carga horária da área destes trabalhadores.

Participaram os médicos Juliana Viana, Peterson Gonçalves e José Roberto Crespo, este último presidente do Sindicato dos Médicos de Campos. Também estava presente o presidente do Sindicato dos Empregados da Saúde de Campos, Carlos Morales.

“Conforme foi solicitado por uma comissão de servidores, estamos aqui tratando deste tema e chancelamos a solicitação de um estudo junto às Gerências de Pessoas dos hospitais, para que a partir de então, seja gerada uma nova decisão a respeito da carga horária. Também atendemos à solicitação para que fosse retirado da pauta da Câmara o projeto nº 0106/2017, que trata da gratificação dos servidores da saúde em regime de plantão. Esse pedido foi acatado para que o projeto seja objeto de discussão entre os sindicatos e a prefeitura”, explicou Marcão.

Ainda durante a reunião, o presidente da Câmara recebeu uma compilação de dados das mãos do presidente do Sindicato dos Empregados da Saúde de Campos. “Foi apresentado por parte do senhor Carlos Morales uma coletânea de Leis Federais sobre carga horária específica, que vou encaminhar à nossa Procuradoria para análise”, concluiu Marcão.

*Por Vivianne Chagas - Ascom Câmara Campos