Parlamento Regional

A qualificação profissional e os serviços prestados pela concessionária Ampla foram debatidos na Câmara de São João da Barra nesta segunda-feira (6/4/2015), durante reunião do Parlamento Regional do Norte Fluminense. Participaram do encontro, representantes da Faetec, Uenf, IFF, Ampla, além de vereadores de São João da Barra, São Francisco de Itabapoana, Campos e Cardoso Moreira.

O presidente do Parlamento Regional, vereador Edson Batista, que preside a Câmara de Campos, ressaltou que a união dos vereadores é uma forma de reunir temas comuns ao Norte Fluminense. “O que nos agrega é a união, participação e defesa regional. Juntos levamos nossas pautas seja ao Estado ou ao Governo Federal. O processo de desenvolvimento sofre uma crise, mas ela vai passar”, destacou Edson Batista, citando estudos da Firjan e Petrobras que apontam o cenário econômico regional para os próximos 10 anos.

O vice-presidente da Câmara, Alex Firme, destacou a importância do debate, lembrando que ele precisa mesmo ter caráter regional. “Nada melhor que as câmaras unidas para discutir esses assuntos com a sociedade e com os órgãos representantes, buscando alternativas para solução de problemas que afligem a população”, comentou.

Os representantes das instituições de ensino ressaltaram a importância da presença dos técnicos no Parlamento Regional e defenderam a integração entre governo, universidades e empresas para o desenvolvimento econômico sustentável da região. “A crise é um momento importante para repensar a grande dependência que alguns municípios têm dos royalties do petróleo”, destacou o economista e professor da Uenf, Alcimar das Chagas.

Também participaram do encontro, os vereadores de Cardoso Moreira, Fausto da Rocha Pereira e Renato José de Almeida, a vereadora de São Francisco de Itabapoana (SFI), Patrícia Cherene, o vereador de Campos, Genásio e os vereadores sanjoanenses Sônia Pereira e Elísio Rodrigues.

Ampla – Os vereadores reclamaram do serviço da Ampla e expuseram as demandas de seus municípios. O representante institucional da concessionária, Rodrigo Rangel, ressaltou que, especificamente na região, houve um grande problema no fornecimento de energia no inicio de janeiro quando houve a queima de um transformador em Furnas e que só foi solucionado no dia 16 de janeiro. Em São João da Barra, segundo ele, foram feitos vários investimentos. “Aqui na sede, por exemplo, trocamos um transformador de 5 mil KVA para um de 7.500 KVA”, destacou Rodrigo, salientando que melhorias também foram feitas em SFI e que a empresa tem ouvido as demandas da população.

Ao final, o vereador Alex Firme solicitou a inclusão da Câmara de São João da Barra nas discussões de implantação do Parque Tecnológico na região – solicitação logo atendida pelo presidente do Parlamento Regional, Edson Batista, que se colocou à disposição.