TV Câmara

A TV Câmara Campos foi destaque no lançamento da Mostra de Documentários das TVs Legislativas, realizada pela Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas (Astral) no Museu da Imagem e do Som (MIS) em São Paulo, nesta segunda-feira (16). Com reconhecida produção de documentários sobre vultos históricos de Campos com relevância nacional, a emissora pública do Legislativo campista apresentou uma compilação de todas as suas produções.

“Todo este trabalho faz parte do Memorial Câmara, uma iniciativa dentro dos nossos compromissos com a transparência, participação e resgate histórico cultural. Produzimos uma revista com todas as figuras retratadas em documentário pela nossa TV. Além disso, temos um DVD com os oito documentários já lançados”, explicou o presidente da Câmara, Edson Batista.

De acordo com as regras da Mostra, serão aceitos documentários de qualquer tempo de duração e mesmo realizados nos anos anteriores. Haverá uma pré-seleção por parte do júri convidado e também por votação do público. Os vencedores farão parte de um tour de exibição em boa parte da Rede Legislativa do País, em canais de TV por assinatura e abertos, também em TVs públicas e sessões especiais em cinemas e faculdades.

A TV Câmara Campos, única presente como TV Câmara dentre as TVs Assembleia no lançamento, participa com os documentários sobre personagens como Nilo Peçanha, Capitão Ricardo Kirk e Benta Pereira. As inscrições para a mostra seguem abertas até o dia 31 de outubro. A partir desta data começam os trabalhos da comissão julgadora.

“A TV Câmara Campos vem fazendo um trabalho de resgate da memória local. Produzimos oito documentários já lançados em dois anos e estamos finalizando outros dois. O objetivo é resgatar a história local através de personagens que pertencem ao início da nossa colonização, como os Sete Capitães e outros vultos ilustres importantes, como Nilo Peçanha, o primeiro presidente negro do Brasil. São histórias interessantes que vêm enriquecendo a cultura local”, disse a diretora da TV campista, Katiana Rodrigues.

*Fonte: Ascom Câmara Campos